Com quantos anos a criança pode colocar prótese ortopédica?


Quanto mais cedo a criança começar a utilizar próteses ortopédicas, melhor será sua adaptação.

Você já deve ter reparado que a vida é cheia de reviravoltas, certo? Seja qual for sua idade, crença ou localização, uma coisa é certa: ninguém está a salvo das transformações que podem afetar drasticamente nossa história. 

Nesse contexto, a amputação é um dos eventos que podem acontecer com qualquer um, em qualquer fase da vida e, quando alguém se vê diante dessa realidade, o mais indicado é utilizar próteses ortopédicas para retomar a qualidade de vida. 

Mas, se a amputação pode acontecer com qualquer um, com quantos anos pode começar a usar prótese ortopédica? 

Amputação Infantil 

Arthur3

De acordo com o fisiotepeura da Conforpés, Raphael Sancinetti, o tratamento pode começar assim que o coto estiver cicatrizado. 

Especialmente quando o paciente é adulto e retomar as atividades anteriores é prioridade. A dúvida é maior em relação a amputação infantil. 

“Em casos de amputação congênita, que na maioria dos casos a criança já nasce sem o membro, o recomendado é colocar a prótese ortopédica assim que começar a andar, porque como ela já nasceu sem o membro fisiológico, vai ser muito mais tranquilo para se acostumar com o dispositivo”, explica Raphael. 

Vale lembrar que, ainda que a criança comesse a usar as próteses ortopédicas ao mesmo tempo em que está desenvolvendo a marcha, o tempo de adaptação às próteses varia de pessoa para pessoa, já que o nível de amputação, idade do paciente, componentes utilizados e sensibilidade coto influenciam diretamente nesse período. 

Gostou de saber sobre esse assunto? Então compartilhe esse texto em suas redes sociais e continue nos acompanhando pelo Instagram e Facebook para acompanhar mais informações sobre próteses ortopédicas e amputação.